.


Mostrando postagens com marcador família. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador família. Mostrar todas as postagens

10 de março de 2017

A mulher ficou horrorizada com as palavras do médico

Nos tempos modernos onde a mulher, maioria delas, adquiriu sua independência, a maternidade, às vezes fica em segundo plano. Muitas vezes os filhos são planejados nos mínimos detalhes, isso, dependendo das condições financeiras e sociais de cada uma. 

Em uma sociedade capitalista quem tem dinheiro tem acesso à tecnologia avançada disponível para poucos, onde é possível escolher até mesmo o sexo do futuro bebê.  Outras mulheres nem ao menos pensam em ser mãe. E uma dessas mulheres preocupada,  procurou seu ginecologista.

- Doutor, eu estou com um problema muito sério e preciso da sua ajuda desesperadamente! Meu bebê não tem um ano e eu estou grávida novamente. Eu não quero outro filho.

Então o médico disse:
- Em que exatamente você quer que eu a ajude?
- Eu quero fazer um aborto!

Depois de pensar por alguns instantes, o médico falou:

- Olha, eu tive uma ideia que me parece melhor e também é menos arriscada.
A mulher sorriu satisfeita. Então o médico continuou:

- Veja bem, para que você não tenha que tomar conta de dois bebês, vamos matar esse que está em seus braços. Assim, você poderá descansar até que o outro nasça. Já que vamos matar um dos seus filhos, não importa qual deles.

Dizem que os filhos são todos iguais para as mães. Não é mesmo? E, além do mais, sua vida não correrá risco com procedimentos cirúrgicos, se você escolher esse aí para matarmos.

A mulher ficou horrorizada com as palavras do médico e disse-lhe:
- Que monstruosidade o senhor está me propondo. Matar uma criança é um crime!
O médico respondeu-lhe:

- Eu concordo. Mas eu pensei que isso não fosse problema para você. Eu só estou sugerindo que você troque o filho que será morto.

Pelo semblante da mulher, o médico viu que tinha conseguido esclarecer seu ponto de vista. E ele a convenceu que não há diferença entre matar uma criança que está nos braços ou uma que está no ventre. O crime é o mesmo.
Você sabe desde quando Deus te ama? DESDE O VENTRE DA TUA MÃE!

28 de outubro de 2016

>Diagnóstico chinês

Uma mulher que trabalhava num banco há muitos anos, caiu em desespero. Estava tão depressiva que poderia ter um esgotamento nervoso. Foi então a um médico chinês que lhe perguntou buscando um diagnóstico:

- Como se chama a jovem que trabalha ao seu lado no banco?
- Cíntia, respondeu ela, sem entender.
- Cíntia do quê?
- Eu não sei.
- Sabe onde ela mora?
- Não.
- O que ela faz?

- Também não sei.

A medicina chinesa entende que o egoísmo rouba a alegria. E era isso que estava acontecendo com a pobre mulher.

- Posso ajudá-la, mas você tem que prometer que fará o que eu lhe pedir.
- Farei qualquer coisa! Afirmou ela.
- Em primeiro lugar, faça amizade com Cíntia. Convide-a para jantar em sua casa. Descubra o que ela está almejando na vida, e faça alguma coisa para ajudá-la.
- Em segundo lugar, faça amizade com seu jornaleiro e a família dele, e veja se pode fazer alguma coisa para ajudá-los.

- Em terceiro, faça amizade com o zelador de seu prédio e descubra qual é o sonho da vida dele.
- Em dois meses, volte para me ver. Ao fim de dois meses, ela não voltou, mas escreveu uma carta sem sinal de melancolia ou tristeza. Era só alegria! Havia ajudado Cíntia a passar no vestibular. Ajudou a cuidar de uma filha doente do jornaleiro. Ensinou o zelador a ler e escrever, pois era analfabeto.” Nunca imaginei que pudesse sentir alegria desta maneira!", escreveu ela. Os que vivem apenas para si mesmos, nunca encontrarão a paz e a alegria, pois somos chamados por Deus para ser benção na vida dos outros. Você já conhecia este segredo?

Muitas vezes nesta vida, nós somos o remédio da vida de outras pessoas!  Quantas vezes você já curou uma pessoa com o seu abraço, uma visita inesperada, um sorriso, uma palavra, um carinho ou até mesmo, um e-mail enviado? Sua presença alegra a vida das pessoas, é um poderoso remédio contra a tristeza, a depressão, a dor e os sofrimentos da alma. Estar presente, na vida das pessoas que amamos é milagre poderoso, que pode transformar-se em processos de cura absoluta: Eu te agradeço, por fazer parte da minha caixinha de remédios! Temos a bonita missão da sra. Mary Kay Ash, de ser remédio na vida das pessoas através da beleza e da plaquinha que cada uma carrega onde diz “Me faça sentir-se importante” quando verdadeiramente entendermos isso, seremos muito mais felizes ao ajudar o próximo.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...